Produção cimento

Entrada  > Grupo > Produção cimento

Esquema Geral da Produção de Cimento





Legenda:


1. Perfuradora
2. Pás Carregadoras
3. Camiões Basculantes
4. Britador
5. Tremonhas
6. Moinhos
7. Silos Homo e Armazenamento
8. Torre de Condicionamento
9. Electrofiltro
10. Forno
11. Arrefecedor
12. Silos para Carvão
13. Armazém para Clínquer
14. Filtros de Mangas
15. Silos para Cimento
16. Ensacadoras Rotativas
17. Expedição de Cimento em Saco
18. Expedição de Cimento a Granel
19. Paletização (paletes ou pacotões - embalagem de plástico)



Fases Detalhadas da Produção de Cimento

Pedreira

As matérias-primas (calcários, margas, etc.), após extracção nas pedreiras, são trituradas e passam por uma primeira fase de homogeneização (pré-homo).






Moagem de cru

Aquelas matérias - primas, com a eventual adição de correctivos (areias, cinzas de pirite, calcários de alto teor, etc.), são simultaneamente secas e moídas até à obtenção de um pó muito fino (cru ou farinha), que é depois armazenado e homogeneizado.




Moagem de carvão

São vários os combustíveis utilizados na indústria cimenteira, mas os mais comuns são o carvão e o coque de petróleo. Qualquer destes combustíveis necessita de uma moagem preliminar, de modo a permitir a sua injecção e ignição no interior do forno, assegurando e optimizando o perfil térmico.






Cozedura

Um tratamento térmico adequado transforma a farinha num produto intermédio - o clínquer - no qual já é possível encontrar os constituintes mineralógicos do cimento.
A farinha, saída dos silos de homogeneização, entra num permutador de calor (torre de ciclones) em contra-corrente com os gases quentes provenientes do forno, iniciando-se o processo de descarbonatação.
De seguida, no forno cilíndrico rotativo (tubo ligeiramente inclinado para facilitar o deslizamento da farinha no seu interior), onde a temperatura atinge valores superiores a 1500º C, ocorre a cozedura (clínquerização) da farinha, dando origem ao clínquer. Este é então arrefecido bruscamente para estabilização da sua estrutura e recuperação parcial da energia térmica.
Tendo em conta o seu modo de formação, o clínquer é, portanto, uma rocha ígnea artificial e o principal constituinte do cimento.
Os gases quentes que saem da torre de ciclones são despoeirados antes de serem reenviados à atmosfera.







Moagem de Cimento

A moagem muito fina do clínquer com um regulador de presa ( o gesso ) e outros eventuais aditivos ( "filler" calcário, cinzas volantes, escórias siderúrgicas, etc.) vai dar origem aos diversos tipos de cimento, de acordo com as Normas em vigor.







Ensilagem e Expedição

O cimento é ensilado e pode ser vendido a granel ou embalado em sacos de papel, acondicionados em paletes ou pacotões.
A expedição de cimento pode ser feita por camião, comboio ou navio, de acordo com as respectivas disponibilidades.



« VOLTAR
recomendar artigo
© 2017 CIMPOR. Todos os direitos reservados |  web design webuild